quarta-feira, 1 de dezembro de 2010

DESCOBERTA

.Margarida Cepêda, Descoberta
.
.
.
Mergulho repetidamente ao mais fundo de mim, pretensão fotográfica do turbilhão das águas. Tento captar-lhe o movimento, a densidade, mas em vão. Não há configuração, o padrão refaz-se a cada momento. E surge a constatação. Não sou onda, não sou mar, apenas ínfima gota à deriva.
Olho em volta e respiro o debater de outras gotas com o mesmo anseio. E então percebo. A realidade não é o resultado de um olhar, mas o somatório de muitos, unidos na mesma vontade. Temperado, de preferência, com esperança.
.
.
.

138 comentários:

  1. Os muitos olhares, todos singulares, dizendo tudo o que as palavras não conseguiu!!

    Beijos

    ResponderEliminar
  2. E a esperança alimenta cada gotinha para então uni-las!
    Muito lindo AC..
    beijos.

    ResponderEliminar
  3. Se unidas as gotas, forma-se um mar, e que se forme calmo, onde se possa tranquilamente navegar... Amigo, teu poema é muito lindo, inspirado e inspirador! Deixo carinhos a você... Bjsss

    ResponderEliminar
  4. Prosa bela, AC.
    É um drama, quem sabe, talvez não seja apenas teu.
    Há dúvidas que são verdadeiros tormentos, quando não se consegue encontrar o caminho certo.
    É como um labirinto, uma enorme encruzilhada, imensos braços de água com margens fascinantes que desejamos desemboquem todas no mesmo rio.
    Entendo-te.
    Beijo.

    ResponderEliminar
  5. Mergulhei tão intensamente nessas tuas palavras, A.C... Ando carecendo mergulhar repetidamente ao mais fundo de mim...

    Sempre agradeço pelo que ganho de presente ao ler aqui.

    Beijos, querido.

    ResponderEliminar
  6. AC,


    Belíssimo poema !

    "Não sou onda, não sou mar, apenas ínfima gota à deriva."


    Sempre transbordante de esperança ...


    BjO!

    :)

    ResponderEliminar
  7. Querido AC...

    Você anda escrevendo textos que me cabem como luva : sou uma das gotas á deriva.Espero salvar-me, formando uma onda de esperança com outras gotas que buscam elo na imensidão.

    Texto brilhante!Beijo.

    ResponderEliminar
  8. Somos gotas à deriva, gotas errantes que se querem unir ao mar onde pertencemos... A onda de esperança existe,sim... embora ainda não tenha chegado para nos levar ao nosso sonho...

    Beijinho*

    Fanny

    ResponderEliminar
  9. AC, sou previlegiada sim... por ser tua amiga e poder vir aqui te ler e me encantar!
    Vontades!
    Sonhos!
    Esperanças!
    Mar, docê Amar!
    A realidade não é o resultado de um olhar!
    Arrasou AC!!!
    Beijossssss menino.

    ResponderEliminar
  10. E todas as gotas unidas foram a pintura da convivência diária, tanto pessoal como interpessoal, no turbilhão do cotidiano.
    Obrigada AC pelo prazer que eu sinto ao te ler.
    Um bj querido amigo, que a cada dia, descubro como mais essencial na minha realidade.

    ResponderEliminar
  11. Bela a tua realidade imaginada. Se fosse.

    ResponderEliminar
  12. Muito bom,gostei demais!
    Vc sempre escreve de forma espetacular;)
    Uma maravilhosa tarde para vc!

    Bjos

    ResponderEliminar
  13. a vida é essa mistura de vidas...a percepção é essa mistura de essências...lindooo..talvez seja em vão tentar decifra-se,cada segundo tudo muda novamente a cada segundoo que já mudou no segundo anterior...hehehe..gosto de te ler.

    ResponderEliminar
  14. Somos um somatório de tudo o que vivemos e também de tudo o que desejamos. Unir esperanças nos faz maiores, não é?
    Linda prosa!
    Bjo

    ResponderEliminar
  15. As vezes o silencio descreve tão quão o perfume das rosas. O seu blog, é belissimo. estou lhe chamando cá, a visitar o meu blog, e se possivel seguirmos juntos por eles. Estarei grato esperando por vc, lá
    Abraços de verdade

    ResponderEliminar
  16. eu vim uma frase no livro do peter pan muito legal...
    na verdade duas frases , primeiro ele fala

    " morrer seria uma grande aventura"

    dps ele disse " e viver? nao seria uma grande aventura?"

    hahha bejos

    ResponderEliminar
  17. AC,

    Como sempre, suas palavras tocam lá no fundo. Você é genial, a constatação de ser uma simples gota é uma lição de humildade. De saber-se quem é. "A realidade não é o resultado de um olhar, mas o somatório de muitos, unidos na mesma vontade".
    Aqui me encontro, sabia?

    Beijos

    Carla

    ResponderEliminar
  18. Uma gotinha de água só se realiza quando de mãos dadas a outras.

    Bjos

    ResponderEliminar
  19. Olá, AC!

    Obrigada pela visita, viu?


    Achei a ilustração que você escolheu belíssima! E o seu texto diz algo muito verdadeiro... Uma vez, uma pessoa muito especial me disse que "somos sozinhos na multidão... e é isso que dá sentido à vida...". Bem, eu acho que, de fato, estamos todos à deriva, procurando um sentido para a existência e meio perdidos nesse mar de problemas e dificuldades...

    Mas eu acho que o sentido da vida é o Amor.

    Sei que não devo ter interpretado bem a sua prosa. Eu só estou escrevendo aquilo que estou sentindo nesse momento...

    Bju!

    ResponderEliminar
  20. Somando-se os olhares, subtraindo as tristezas, dividindo sorrisos,,,A felicidade se faz.
    Bjos achocolatados

    ResponderEliminar
  21. prosa poética que se confunde com poesia.

    muito belo.

    beij

    ResponderEliminar
  22. "Não sou onda, não sou mar, apenas ínfima gota à deriva" - meio caminho andado para se alcançar a felicidade, o reconhecimento de que, sozinhos, nada somos, apenas uma gota de água no oceano.
    A partir desta convvicção estamos prontos para ganhar o mundo!
    Sem esquecer a esperança, é evidente...

    Continuação de boa semana. Beijinhos

    PS - Por lapso não agradeci o seu comentário ao lançamento do meu livro.
    De facto, o "bichinho da escrita" mora comigo penso que desde que aprendi a escrever :)))
    Tenho algum material a que se poderá, talvez, dar a forma de livro, quem sabe???

    ResponderEliminar
  23. Que perfeita definição de estar à deriva...
    Sem saber os pq(s), nem pra que, apenas sendo e existindo.

    Oi Amigo!
    Ando por aí, cansada, à milhão... Final de ano né?! Uma loucura!!!
    Grata pelo teu sentir, prometo 'tentar' não sumir, ririri...

    Grande BjO, pra ti!

    ResponderEliminar
  24. Descoberta maravilhosa para todos os dias somar, aprender com novos olhares! E a tua senssibilidade mais uma vez surpreende. Beijos

    ResponderEliminar
  25. Ac,

    Nunca fico á deriva quando passo por aqui.

    cada palavra não é uma gota, é um oceano de emoções.

    bj

    ResponderEliminar
  26. Sabe, AC,

    Sempre me inspirei muito neste "turbilhão" que há dentro de nós quando fechamos os olhos e nos percebemos sós, na escuridão. Eu comigo, com minha alma, emoções, sentimentos, energias. Algo que nada vai apagar. Nem mesmo a morte, acredito.

    E captei mais ainda deste seu texto magistral: você se disse uma "ínfima gota à deriva", que percebe a existência de outras que podem se unir na mesma vontade. Várias gotas que comungam da esperança!
    Descoberta ímpar!
    Beijo!

    ResponderEliminar
  27. Não seria uma realidade um disfarce da ficcção?
    Se é a gente que cria, ela não existe assim como algo imposto.
    Nós criamos, alimentamos e acreditamos que temos pouca influência no processo. Ledo engano.
    Belo texto.

    ResponderEliminar
  28. Curtinho e tão lindo e intenso!Parabéns!abraços,chica

    ResponderEliminar
  29. Hoje sou uma gota de água. Às vezes sou também um grão de areia. :)

    ResponderEliminar
  30. o saber que somos uma gota como tantas outras e dependemos da unicidade, é saber muito nesta procura interior que vivemos
    Bjs

    ResponderEliminar
  31. AC
    Um olhar por vezes diz mais que muitas palavras.
    De momento acho que andamos todos à deriva com o barco encalhado. Gostei imenso.

    Beijo

    ResponderEliminar
  32. Olá AC.
    É a esperança que une as gotas, formando tempestades de onde jorram tão belas palavras, num trubilhão de sentimentos...

    Bjs dos Alpes

    ResponderEliminar
  33. a realidade é feita do todo sem desconsiderar a especificidades das partes que a compõem.

    :)

    ResponderEliminar
  34. palavras em que mergulho com infinito prazer
    beijo

    ResponderEliminar
  35. Oi,
    Sou alguém que conheceu o inferno das drogas, que fez alicerce e morada nesse lugar. Sofri todos os horrores, ou boa parte deles e hoje me encontro limpa, sem drogas, mas consciente que tenho uma doença, sem cura, progressiva e fatal. Não tenho um intuito específico escrevendo isso, não estou procurando criticas, conselhos ou julgamentos, sou conhecedora da causa que escrevo, não há teoria. Sou apenas mais uma com vontade de colocar pra fora todos os bichos da minha história.
    Obrigada

    ResponderEliminar
  36. As imagens são de uma expressividade pura e límpida.
    As gotas que se debatem fazem-no porque acreditam, o que, só por si, vale a luta.

    Um beijo

    ResponderEliminar
  37. Agostinho,
    O somatório das gotas é que fazem os rios e o mar.
    Boa prosa amigo.
    Abraço
    Caldeira

    ResponderEliminar
  38. A TUA MENSAGEM NO ARTE FEZ-ME RIR...ADMIRO-TE IMENSO...DEPOIS VIREI LER-TE...PORQUE A TI TEM DE SE OLHAR DE FRENTE E COM MUITA CALMA...AQUI NADA DE PRESSAS...:)

    VOLTO

    BEIJO:)

    ResponderEliminar
  39. NOVA RISADA A CABEÇA DE SALOMÉ...SÓ TU!!!

    MAS DIGO-TE,GOSTO DA IDEIA!!!

    VOLTAREI DE NOVO...:)

    ResponderEliminar
  40. NÃO HÁ DUAS SEM TRÊS...E NÃO HÁ TRÊS SEM QUATRO...

    MUITO OBRIGADA,O ORGULHO É RECÍPROCO!!!

    VOLTAREI COM MAIS UM BEIJO:)

    ResponderEliminar
  41. AC,


    ...quando os olhares se unem na mesma vontade...
    Belos versos!


    Um abraço, Marluce

    ResponderEliminar
  42. Descobrir-se, nossos desejos.Lindo!
    Beijos

    ResponderEliminar
  43. Belissimo...
    "A realidade não é o resultado de um olhar, mas o somatório de muitos, unidos na mesma vontade. Temperado, de preferência, com esperança".

    me fez lembrar...
    Prelúdio de Raul Seixas
    "Sonho que se sonha só, é só um sonho que se sonha só, mais sonho que se sonha junto é realidade".

    Beijo ;-)

    ResponderEliminar
  44. Eu tinha vontade de ser assim conseguir entrar no meu interior e perceber o que sou.
    Voce conseguiu isto de forma belissima.
    ser gota é ...

    Minha gente!
    Hoje fui dar umas voltinhas e demorei. E estes dias estava ocupada ajudando minha cunhada.
    com carinho Monica

    ResponderEliminar
  45. Enquanto persistimos espantando-nos connosco, "só" há descobertas, quais as mais dignas de espanto!
    Texto que, como já é "hábito" (saudável, claro!), me espanta gostosamente.
    Abraço

    ResponderEliminar
  46. Lindo!
    Mesmo a mais simples gota em harmonia com as demais se transformam em mar...e quanta força elas possuem não é??

    ResponderEliminar
  47. Acho que até existe uma configuração, difícil é o mergulho, a descoberta.
    Lindo como sempre, beijos

    ResponderEliminar
  48. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  49. Por muitas vezes me senti (e sinto) essa gotinha à deriva...
    É bom perceber que não estamos sós, afinal.
    E o tempero da esperança?
    Ah...esse é que faz a gota acreditar que o mar existe...
    Beijo grande querido

    ------
    PS. a mensagem anterior saiu com erro de digitação. Conheces o que é perfeccionismo?..rs

    ResponderEliminar
  50. É bela a condição de gotinha, né? Me agrada a fragilidade contrastando com o mar de possibilidades! =)

    Beijo, beijo.

    ℓυηα

    ResponderEliminar
  51. Boa noite mestre.
    Passando para te deixar um beijo.

    Transbodantes!

    Beijo
    Fernanda.

    ResponderEliminar
  52. Belíssimo. Passa uma intensa sensação, algo como um profundo mergulho mesmo. Muito bom, parabéns.

    Beeejo,beeejo. :) Obrigada pelo carinho e presença lá no Molhe-se. Sempre bem-vindo.

    ResponderEliminar
  53. No turbilhão dessas águas, não é possível se ver gotas (pretensão) O que está dentro, é mistura do si mesmo, diluido nesse mar...
    Mas se gotas emersa, consolo das outras,
    porque a realidade é esta, tantas a procura de esperança, n'algum mar a se encontrar...

    Nem falo mais nada viu meu amigo.
    É profundo demais, tanto quanto o
    proprio mar.

    Noite de encontros...

    Bjs

    Livinha

    ResponderEliminar
  54. Oi AC...

    Achei lindo demais...

    Ter a percepção de que se é "uma gota no mar"....acho isso divino!

    bjos!!!!


    Zil

    ResponderEliminar
  55. Sim , também entendo a realidade como uma somatória de olhares. Lindo, ótimo, adorei. bjs
    Eliete

    ResponderEliminar
  56. Descobertas interiores, sonhos, desejos e anseios,,,que se façam em esperança,,,de ser feliz em poesia...abraços amigo eum belo dia pra ti.

    ResponderEliminar
  57. "Impelidos pela força do amor,os fragmentos do mundo,buscam-se um ao outro para que o mundo possa vir a existir" Teilhard de Chardin... a força de coesão das gotas fazem o mar, mas como gotas somos únicas e acrescentamos umas às outras nossos anseios.Um abraço

    ResponderEliminar
  58. Quando leio coisas assim bem escritas, vejo como ainda tenho que caminhar para chegar na praia, para mergulhar no mar, e me juntar às outras gotas.

    Belo.

    ResponderEliminar
  59. AC, meu amigo querido, venho lhe agradecer pelas meigas palavras a mim. Não podemos segurar as palavras dentro de nós, mas a sensação da luz, da tua energia vindo ao meu encontro, é única e verdadeira. Vc cada vez mais tem me emocionado com teus textos. São de uma delicadeza e maturidade inigualáveis. Tua gota d´água refrescou minha memória na busca de esperança. Um beijo bem carinhoso, mesmo sem tempo não deixarei de vir aqui.

    ResponderEliminar
  60. Sim, somos a semente de tudo. É só nos unirmos com quem vibra igual.


    beijos

    ResponderEliminar
  61. Porque a esperança deve sobreviver a tudo....e abrir-nos o caminho...
    Adorei...e a imagem é perfeita...
    Obrigada pela visita
    Beijos e abraços
    Marta

    ResponderEliminar
  62. Você é um daqueles que digo que não se tem o que comentar.
    Só ler e admirar.

    ResponderEliminar
  63. AC,

    Todos nós somos gotas...e estamos sempre nessa grande descoberta...

    Linda postagem!

    Beijos....

    Reggina Moon

    **Retire 3 selinhos em destaque, no Verso & Prosa, pra voce...

    ResponderEliminar
  64. esperança é o melhor tempero para não ter gosto de desespero!



    lindo texto.
    bjs meus

    ResponderEliminar
  65. Somos todos gotas no rio imutável da vida.
    Sempre que venho aqui, minha alma se expande...
    Meu caro AC, posso ler carinho incondicional nas tuas palavras e sempre encontra nelas a ponta do fio da meada da esperança.
    Beijokas.

    ResponderEliminar
  66. Olá,AC!

    Permanecendo quem somos, ainda assim vamos mudando;somos uma e várias pessoas, daí que quando olhamos não vejamos sempre a mesma.

    Uma abraço.
    Vitor Chuva

    ResponderEliminar
  67. Esperança é o sentido, o búzio é o refúgio.

    ResponderEliminar
  68. A realidade pode ser cruel como todos dizem, mas quando se tem a esperança, tudo se torna diferente.
    Não existe nada pior que uma pessoa incrédula.

    BeijooO*

    ResponderEliminar
  69. Sei lá. Eu não gosto muito de nadar nas minhas águas. Elas não são cristalinas nem diurnas, que não gostam de sol, nem de ir ao cinema, gostam de ficar em casa, vazando pelas minhas paredes e mofando o que me diverte :(
    bjs

    ResponderEliminar
  70. Porque será que sempre que leio os seus textos, sinto como se fossem meus, se eu tivesse a sua inspiração e talento.
    Estou comovida, porque este texto tocou-me bem fundo, por múltiplas razões.
    "Mergulho repetidamente ao mais fundo de mim..."

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  71. Os outros metaforizados em janela e simultaneamente reflexo...
    Partilho dessa perspectiva :)

    ResponderEliminar
  72. Costumo dizer que a verdade não existe, porque é diferente para cada pessoa... Tua reflexão faz perceber isso.
    Adoro as imagens dos teus posts!
    Abraços

    ResponderEliminar
  73. AC,

    Neste momento minha realidade é toda esperança ...:)

    BjO!

    ResponderEliminar
  74. talvez seja

    o somatório de muitos olhares

    não sei...mas a descoberta é sua, assim apoemada e bonita!

    mas eu às vezes sinto-me uma, rodeada de muitas realidades, confundem-se, sobrepõem-se

    deve ser das gotas, são todas diferentes :))

    um beijo

    manuela

    ResponderEliminar
  75. Oi AC
    Obrigada por uma prosa-poema onde vemos a soma de olhares e a esperança de resultados felizes.
    sem muitos comentários pra não quebrar a inspiração que voce registrou.
    meus abraços

    ResponderEliminar
  76. BELA CONSTATAÇÃO!!!O TEU OLHAR É UM...O OLHAR DO OUTRO É MAIS UM ...E POR AÍ ADIANTE...E CADA OLHAR CAPTA UMA PARTE DA VERDADE. E TODAS ELAS SÃO VERDADES DE UMA MESMA VERDADE... E OS CONHECIMENTOS MODIFICAM-SE,ALTERAM-SE...POR ISSO NÃO PODEMOS PERMANECER ESTANQUES....O MUNDO EVOLUIU PORQUE TUDO ESTÁ EM MOVIMENTO...CASO CONTRÁRIO AINDA ESTARÍAMOS NA IDADE DA PEDRA LASCADA... NISTO TUDO IMPORTA TERMOS A NOSSAS CONVICÇÕES PARA NÃO ANDARMOS AO DEUS DARÁ...À DERIVA PELO MAR FORA...

    BEIJO:)

    ResponderEliminar
  77. AC

    Ah!!!
    Como eu gosto desse olhar tão amplo e forte, impregnado de esperança!!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  78. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderEliminar
  79. A realidade tem vários olhares, beijo Lisette.

    ResponderEliminar
  80. E retornamos todo juntos, a chover no mesmo mar.

    Paz e Luz!

    ResponderEliminar
  81. AC, tão querido,

    O que falar de suas palavras? Um turbilhão de sentidos a pulsar com a força do mar, que tanto amo.

    Um grande beijo e obrigada pelo carinho, sempre

    ResponderEliminar
  82. Ao olhar na profundidade de nossas aguas percebemos a nossa inconstancia e dependencia de outras aguas que nos fazem mar....

    abços

    ResponderEliminar
  83. assim como, de mil gotas é feito o mar...

    gosto de te ler...
    te sinto nas linhas, e nas entrelinhas...

    beijo carinhoso

    ResponderEliminar
  84. Gostei do mergulho e da descoberta. Mais ainda da forma como nos é apresentada.
    Muito bonito o que escreve!

    Abraço

    ResponderEliminar
  85. Um belissimo final de semana pra ti amigo,,abraços fraternos.

    ResponderEliminar
  86. Que coisa mais linda!!


    bom final de semana. Obrigada pela visita!!!

    beijos

    ResponderEliminar
  87. Só passei para desejar um feliz fim de semana

    com carinho MOnica

    ResponderEliminar
  88. Um texto sensível e pleno de esperança.
    Abraço, AC.

    ResponderEliminar
  89. Muito a ser edsvendado do mergulho ido a nós mesmos.
    Cadinho RoCo

    ResponderEliminar
  90. Sinto-me uma dessas gotinhas, talvez por isso tenha mergulhado tão bem nessas melodiosas palavras!
    Bjs

    ResponderEliminar
  91. Quando o mergulho vai ao encontro da essência do que somos, tudo se torna mais claro... o que nem sempre é o que esperamos, nem o que verdadeiramente desejamos! Assumir a coragem de "saltar" no momento certo é um feito por que todos (ou quase) ansiamos por concretizar... a luz que se vislumbra vale bem a pena.
    Abs
    CF

    ResponderEliminar
  92. ... "Não sou onda, não sou mar, apenas ínfima gota à deriva". Belíssimo, AC!!!
    Muitas vezes me sinto como uma gota de "mercúrio", aquelas que correm pelos dedos e vão se multiplicando...
    Parabéns, amigo, você está fazendo o maior sucesso nessa blogosfera.

    Um beijo, AC. :)

    ResponderEliminar
  93. Simplesmente magnifico!
    "Por vezes sentimos que aquilo que fazemos não é senão uma gota de água no mar. Mas o mar seria menor se lhe faltasse uma gota." (Madre Teresa de Calcuta)
    Tenha um fim-de-semana cheio de paz e felicidade.
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  94. AC,
    mais palavras para quê,é isso mesmo. há mais gente, felizmente, a fazer a mesma viagem.
    um abraço

    ResponderEliminar
  95. Belíssima sua postagem.
    Turbilhão de emoções,estou nessa linha.
    Beijokas mil.

    ResponderEliminar
  96. Obrigada pelas visitas e comentários!
    E por ter gostado da mudança..

    abraço apertado!

    ResponderEliminar
  97. Com____100

    oi AC

    VOLTEI

    Havia sido BLOKEADA
    sem saber os motivos

    saudades de vc

    bjo

    ResponderEliminar
  98. ... não esqueças nunca de voltar desses mergulhos, as gotas sobem todas cá acima, contigo...

    beijos.

    ResponderEliminar
  99. Num eu profundo! Esses mergulhos que nos levam a sensação de afogamento, e de repente nos leva uma sensação refrescante , como um dia ensolarado com gotas... E estamos sem perceber nos adentrando ao arco-iris...

    ResponderEliminar
  100. AC ,
    há coisa melhor que nos sentirmos gotinha de àgua ? Umas vezes com mais outras menos esperança , mas nunca sem ela .
    É que sabemos , que o grande oceano fica incompleto sem essa gotinha.

    Um beijo ,
    Maria

    ResponderEliminar
  101. Um belissimo sabado pra ti amigo,,,abraços e poesias.

    ResponderEliminar
  102. Olá, amigo!
    Esperança... é o que realmente conta.
    Bom fim de semana!
    Beijinhos.
    Brasil

    ResponderEliminar
  103. Sem tempo senão para deixar um beijo e dizer que voltarei para reler com o vagar que as tuas palavras merecem.

    ResponderEliminar
  104. Por mais desconcertante que seja o mergulho, deve valer mais do que vogar à superfície.
    Gostei muito.

    Um beijinho

    ResponderEliminar
  105. Tem selos pra você na Fênix!

    http://afenixquerenasce.blogspot.com/2010/12/comigo-me-desavim.html


    Bju!

    ResponderEliminar
  106. Minha amiga
    Ela encontrou. Kevamos pra casa pra Desilaine cuidar dela pra nós.
    Aqui estava cheirando galinheiro.

    Bom fim de semana
    com carinho Monica

    ResponderEliminar
  107. Passewi para agradecer a visita ao SHE. Fiquei fã.

    ResponderEliminar
  108. Simplesmente encantador!

    Um abraço e boa semana

    ResponderEliminar
  109. Olá deixarei de postar no Mudança.com por algum tempo, mas postarei em outro blog que terá postagem em sua maioria de microcontos de minha autoria, mas pode ser que eu poste outros textos que não se encaixem nessa categoria. Eis o endereço: http://entaofalemos.blogspot.com
    Espero sua visita. Beijos!

    ResponderEliminar
  110. Amigo, vim te deixar um abraço e meu carinho, viu? Que teu fim de semana seja pleno de paz e felicidades... Bjsss

    ResponderEliminar
  111. Agostinho,
    Talvez o que o poeta deseja descobrir não esteja dentro dele, mergulhar em outro ser e descobrir outro sentimento, pode valer a pena, pois, quando poeta pensa não ser ninguém no mundo, pode estar sendo o mundo de alguém.
    Beijos, desculpe a demora, mas é de muita importância uma pausa para a reflexão.

    ResponderEliminar
  112. Olá!Gostei muito dos seus textos:
    já sou seu seguidor. vou colocar em meu blog, um direcionamento do
    seu link para que através de atualizações eu esteja te
    acompanhado. bjos e abraços.

    ResponderEliminar
  113. Olá AC, vai ser um prazer está acompanhando o seu blog,
    muito bom por sinal, um trablaho brilhante
    vale realmente conferir, fico feliz por me seguir.
    luz na sua vida e que a troca de experiências seja
    para ambos.

    ResponderEliminar
  114. Somos assim, nos fazemos assim...sempre descobertas!!

    lindo texto...

    bjinhus...

    ResponderEliminar
  115. Amigo, passando mais uma vez para somar.
    Um final de semana de esperanças renovadas.
    Bjooo

    ResponderEliminar
  116. Passando pra deixar um beijo e desejar-te um lindo domingo. Bjos achocolatados

    ResponderEliminar
  117. Gosto tanto dos teus comentários lá no Molhe-se, obrigada pela tua presença lá, ótimo domingo pra você, beeejo,beeejo.

    ResponderEliminar
  118. Belo texto!

    Também sou uma gotinha á deriva... talvez um dia seja salva...

    Beijos de boa noite.

    ResponderEliminar
  119. "Olho em volta e respiro o debater de outras gotas com o mesmo anseio. E então percebo. A realidade não é o resultado de um olhar, mas o somatório de muitos, unidos na mesma vontade. Temperado, de preferência, com esperança."

    Quanta doçura e sabedoria em tão poucas palavras
    Quem me dera ser um dia tão serena!
    Vc está certo...não sei esperar
    Tenho urgência em "pular os poços" do caminho...mas sempre caio neles!
    Obrigada por teu carinho com o "Lágrimas"
    Um forte abraço e um domingo perfeito!

    ResponderEliminar
  120. Passando pra deixar o abraço
    carinhoso
    e que o domingo sea bom.

    ResponderEliminar
  121. Saber-se ser gota de mar é saber-se ser menor o mar sem essa propria gota...a importancia esta em se sentir somar...somos muitos , somos um mundo qdo somos juntos, pq juntos somos mais.

    Lindo menino, muito lindo.

    Meu beijo a ti com saudade

    Erikah

    ResponderEliminar
  122. Vontade+Esperança=ATITUDE

    Lindíssimo o que escreveu...


    um beijo e ótimo domingo!

    Bia

    ResponderEliminar
  123. Perfeito, AC! somos as gotas que, somadas, fazem o oceano da vida

    um beijo ;)

    ResponderEliminar
  124. NÃO ESTÁS A DELIRAR...EU É QUE ESTOU...FIZESTE-ME DESCOBERTAS QUE NEM EU ME TINHA APERCEBIDO...

    A ARTE É ASSIM MESMO, O FRUIDOR DESVENDA A ALMA DO CRIADOR...:)

    BEIJO:)

    ResponderEliminar
  125. Gosto qd encontro uma grande mensagem num texto curto.
    Tenhas um lindo e belo domingo.

    ResponderEliminar
  126. Eu que lhe agradeço, AC! Seu blog é lindo, e suas palavras, mais ainda!

    ResponderEliminar
  127. Sem comentários. PERFEITO! LINDO!Quanta sensibilidade ao falar da percepção de um olhar! POsso postá-lo no meu blog??:)

    ResponderEliminar
  128. Um primeiro olhar: a insignificância de saber-se gota. Ao depois: a magnitude de ser único.
    Embora ínfimo a princípio, é da unicidade de apenas uma delas o start para quaisquer movimentos, sejam individuais, quer coletivos.
    Embora gotas, sem cada uma delas um oceano não se faz.
    Tua forma de dizer me causa.
    beijo grande, querido AC.

    ResponderEliminar
  129. Sim, a esperança e o desconhecido, o enigma, não são incompatíveis.
    O problema e a solução, são correlacionáveis.
    Saudações

    ResponderEliminar
  130. Descermos ao mais fundo de nós mesmos não é um mergulho fácil, mas mais difícil é vencer esse turbilhão e regressarmos à superfície, colhendo as gotas que melhor nos amparam. A natureza fá-lo sempre tão bem... os humanos tendem a complicar tanto que, por entre esse regresso, ainda procuram escolher a gota de entre gotas... o que mais me impressionou é que lá no fundo qualquer gota vive na esperança dessa subida e não é só uma gota que vence, mas sim a força de todas as que muitas vezes nos são humildemente oferecidas... mas essas só são visíveis pelo olhar "o somatório de muitos, unidos na mesma vontade".

    Iupi!!! Sou a última gota! :)

    Bj

    ResponderEliminar
  131. É curiosa toda descoberta. Passo por aqui de "prima".Gosto do que leio.Vou voltar.Textos e imagens selecionados com apuro. Parabéns.

    ResponderEliminar
  132. A realidade é definitivamente o somatório da existência de tantas gotas à deriva, que compõem assim um mar dotado de um carácter rico, com marés calmas e revoltas, com baías e enseadas, com lutas ferozes contra escarpas e falésias, com belíssimas florestas de coral escondidas e à espera de serem descobertas.
    E porque fazemos parte desse todo gigantesco e inconstante, assumimos por osmose as sua características...

    Perfeita analogia!

    ResponderEliminar
  133. E que nunca nos falte o tempero da Esperança enquanto juntamos nosso olhar a tantos outros que olham o mundo, mas tantas vezes não o vêm de verdade!!!"

    ResponderEliminar