sábado, 12 de maio de 2018

O BEIJO DA NUVEM

.
AC, Beijo da nuvem
.
.
Maio insinuou-se, sedutor, convocando tudo e todos para o habitual festival de cores e aromas. 
As espigas, a caminho da maioridade - ornamentadas, aqui e ali, com o alegre colorido das papoilas - ajudavam à festa de forma discreta, mas prometedora. Não queriam ocupar o palco, contentavam-se com a promessa, num farto Junho, de encher as arcas dos bastidores.
Por perto, nas orlas dos caminhos, as giestas vestiam-se de branco e amarelo. O rosmaninho, de místicas vestes, ajudava a compor a tela, enquanto, obedecendo a ancestral apelo, procurava apaziguar o infatigável labor das abelhas.
Os deuses, saindo do seu torpor, invejaram o quadro. E, não resistindo a deixar a sua marca, segredaram às nuvens para beijarem, delicadamente, a terra.
Chamei-te para veres, chamei-te para sentirmos. Estava na hora da mais natural das comunhões.
.
.

21 comentários:

  1. A foto é divina!
    E como gosto de maio!
    Como sempre, um texto belíssimo!
    Beijinho

    ResponderEliminar
  2. A Natureza sempre a surpreender os que se deixam surpreender por quanto ainda é belo.


    Bj.

    Lídia

    ResponderEliminar
  3. Também eu, não sendo Deusa, invejo essas duas telas.:)
    A que pintou a Natureza e tu eternizaste, captando esse beijo, e a pintada por ti, através desta terna prosa, descrevendo os amplos poderes sedutores do mais lindo mês de todos os meses do ano: Maio; o meu querido mês de Maio...

    Beijinhos, A.C.

    Bom Domingo.

    ResponderEliminar
  4. MARAVILHOSA essa comunhão! Bela foto! abraços, lindo fds! chica

    ResponderEliminar
  5. Uma deliciosa descrição pintada com as palavras dos teus sentidos. Adorei.
    Beijinhos
    Fanny Costa

    ResponderEliminar
  6. Tenho curiosidade em saber o que veio primeiro: a foto ou o texto? Seja como for, imagem e palavra combinaram à perfeição.

    Um abraço; tenha um ótimo final de semana!

    ResponderEliminar
  7. A foto está simplesmente genial e como sempre com as tuas palavras deste vida à captação. Que te dizer mais?

    Beijocas extensíveis "a quem chamaste":)

    ResponderEliminar
  8. Que foto fantástica AC. E sim, as papoilas, os malmequeres, a natureza no seu esplendor. Ainda hoje andei a comprovar tal maravilha pelos campos :) Boa semana

    ResponderEliminar
  9. Uma imagem muito bonita, e o texto prenhe de poesia. Belíssimo.
    Abraço e uma boa semana

    ResponderEliminar
  10. Tudo se encontra em perfeita conjugação. Todos os elementos se estão lugar certo à hora exata. Um abraço.

    ResponderEliminar
  11. Um texto que é um hino à Natureza. Uma fotografia maravilhosa.
    É sempre um prazer enorme ler o que escreve.
    Uma boa semana.
    Um beijo.

    ResponderEliminar
  12. Texto e foto numa união perfeita.
    Aquele abraço, boa semana

    ResponderEliminar
  13. Até um humano comum terá inveja dessa paisagem, se tiver dois dedos de testa ou não andar cego. Gosto muito do rubro das papoilas a saltear a paisagem...
    Abraço
    Ruthia

    ResponderEliminar
  14. Poeta , sua sensibilidade capta com rigor o belo.
    Foto e texto em plena sintonia .Agradeco a partilha e também sua visita ao meu espaço . Fiquei feliz . Beijos

    ResponderEliminar
  15. um prosa que é uma comunhão entre a natureza e a beleza das palavras.
    e tambem eu vi e senti o beijo das nuvens.
    beijinhos
    :)

    ResponderEliminar
  16. Imagem e texto, num complemento perfeito... foi uma delícia partilhar deste fenómeno tão invulgar, AC... pelo menos para mim... meio enterrada, numa floresta de betão... e arredada de uma paisagem destas por perto... capaz de nos encher os olhos e a alma...
    Mais um belíssimo momento poético... e com uma extraordinária imagem!
    Beijinho! Continuação de uma excelente semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  17. Uma imagem tão bonita que enche os olhos. A natureza é divina.
    O texto deu casamento perfeito com a imagem. Gostei muito.
    Excelente semana.

    ResponderEliminar
  18. :)

    Aceite um beijinho, AC, porque escrever algo mais tornar-se-ia repetitivo da minha parte. Digo apenas que é sempre tranquilizante ler o que escreve. Passa muito boa energia para este lado. E sim, é verdade. Não sei é explicar, mas é verdade.

    ResponderEliminar
  19. Hoje passo para desejar um bom fim de semana e deixar o meu beijinho, ainda não tenho permissão para ler.

    ResponderEliminar
  20. Já tinha passado, mas quis saborear.
    Beijinhos.

    ResponderEliminar